um lembrete

me conta um segredo teu
me diz o que te inspira
o que te faz gritar, mover, suar

me fala teu canto mais bonito, me mostra teu momento mais especial, me emociona com a tua cor mais singular. me conta o que é você.

me diz o que te faz tá aqui
me diz o que te faz continuar
me diz o que te faz vibrar

e vibrar e vibrar e vibrar

até tu não sentir mais vontade de parar

me fala o que te faz parar, me mostra o que te conta uma história, me emociona com a tua história que só você conhece. me conta como é te conhecer.

me diz o que você acha que todo mundo precisa saber. porque só você sabe. eu, daí, quero te pertencer.

pra contar de mim, primeiro preciso te dizer que eu sou muita coisa em uma só. um segredo, talvez, é que eu penso muito, e penso o tempo todo, e nunca paro de pensar nas infinitas possibilidades que existem. então, quando você vier me perguntar algo, há uma grande chance deu já ter pensado nisso. é estranho, eu sei, mas sou eu. e isso é bonito, né? eu acho, pelo menos.

tudo me inspira, a poesia me faz gritar, mover, suar, meu canto mais bonito é o meu olhar, meu momento especial é a minha escrita, minha cor mais singular é a felicidade que me bate ao ajudar alguém. eu sou imensidão.

o que tá aqui é o que te mostro agora, entende? é o que te conto com a minha voz que um dia num gostei tanto assim. mas, neste instante, ela pulsa como eu, e continuo te contando enquanto vibro cada parte do meu corpo de mãos dadas com a minha alma. acho que é ela falando. mais um segredo que to contando: muitas vezes, minha alma fala por mim. e permanece.

não sei qual é a minha intenção com tudo isso, essa é a verdade, acho que só quero que você se sinta bem. eu amo fazer as pessoas se sentirem bem. essa é uma das minhas maiores qualidades. e eu, quando começo a fazer, não tenho vontade de parar. é uma história bonita, não é? e você nem precisa me conhecer tanto assim pra saber. se quiser começar agora, te digo de imediato que abraços são uns dos meus momentos favoritos e eternizo o tempo quando to em um. isso o mundo precisa saber. espero que, por meio do nosso abraço, a gente possa fazer parte do nosso universo que, pra mim, é tudo o que chamamos de lar. pertencemos.

que esse texto te ajude a seguir. e que a gente siga, e siga sempre, nunca duvidando do que somos, nunca duvidando de quem a gente já é. te falo isso sempre, eu sei, mas você é muita coisa. este é mais um lembrete disso. fica firme. eu tô aqui. você, também.

amor, cacá

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s